Projeto Arte e Expressão






Esse projeto visa oportunizar momentos e atividades em que as crianças , através das diversas linguagens, consigam se expressar cada vez melhor.
Para isso pretendemos nos utilizar de várias ferramentas e recursos, tais como: dramatizações de histórias infantis e músicas,
 fantoches, músicas e dança.




Pararelo á este projeto, também participamos do projeto “Meio Ambiente” , visando desde já conscientizar as crianças sobre a importância da preservação da natureza.



Observando as crianças no decorrer do primeiro bimestre, percebemos um grande interesse das mesmas por trabalhos ligados as artes: cênicas, visual e plástica. Também demonstraram interesse por música e atividades envolvendo expressão corporal.
Nesse período também observamos que algumas crianças demonstram serem inibidas em algumas situações e outras apresentam dificuldade na dicção de alguns fonemas.
Diante disso, optamos por iniciar um projeto na turma do jardim I A, que aborde diversas linguagens de interesse já demonstrado pela turma. A princípio nomeamos este projeto de ARTE E EXPRESSÃO.
O presente projeto busca abordar as diferentes maneiras a que nos apropriamos para nos expressar.            Massinha de modelar
Através das diversas linguagens utilizadas na Educação Infantil, pretendemos oportunizar as crianças interações significativas e prazerosas, afim de que se tornem cada vez mais desinibidas, expressivas, críticas. Também pretendemos com esse projeto aumentar o repertório musical das crianças, valorizar a literatura e reconhecê-la como meio de comunicação e expressão e conseqüentemente diversificar a oralidade e o vocabulário da turma.
Acreditamos que as linguagens quando bem exploradas na educação infantil, trazem as crianças diversos benefícios que as mesmas poderão carregar para o resto da vida.
As linguagens são formas de representações utilizadas pelos seres humanos, a linguagem infantil é uma forma especifica de ler o mundo, de relacionar-se com ele e recriá-lo.
As linguagens corporais e musicais são as primeiras formas de expressão e integração que a criança estabelece com o meio que a cerca. A medida que esta se desenvolve descobre que é capaz de produzir novos sons, utilizando-se de movimentos e expressões.
A linguagem plástica na educação infantil é um referencial para o desenvolvimento da sensibilidade, da imaginação, da percepção e da construção de conhecimentos.

SITUAÇÃO PROBLEMA
Como tornar nossas crianças mais desinibidas e comunicativas melhorando sua dicção?

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

pulando elástico
Dramatizar histórias e contos infantis.
Produzir trabalhos utilizando-se de diversos materiais ligados as artes plásticas.
Construir fantoches com meias.
Construir maquetes de histórias infantis.
Construir instrumentos musicais com materiais recicláveis.
Recontar histórias.
Confeccionar personagens de histórias infantis e músicas, utilizando-se de meia calça e sucata.
Perceber a diferença entre os diversos ritmos e gêneros musicais.
Aprimorar a percepção auditiva.                                                     
Propor atividades que exijam das crianças concentração e atenção.
Ampliar o repertório musical das crianças bem como o gosto pela música.
Promover eventos culturais em sala e/ou no grande grupo, como karaokê.
Despertar o gosto pela leitura, teatro e outras formas de expressão.
Integrar as crianças mais inibidas.
Propiciar momentos para a descoberta de novos potenciais.
Promover momentos agradáveis e de interação com a turma e o grande grupo.
Valorizar as construções das crianças.
Oportunizar as crianças momentos em que possam fazer uso de sua criatividade.                                                                Karaokê


ATIVIDADES E SITUAÇÕES SIGNIFICATIVAS
Dramatizações realizadas pelas professoras e/ou pelas crianças, em sala ou para o grande grupo.
Construção de personagens de histórias infantis e de músicas com meia calça e sucata.
Construção de instrumentos musicais com materiais reciclados.

Reconto e dramatização da história “Rápido como um gafanhoto”, autora Audrey Wood e Don Wood, para as demais turmas do CEI.
Construção das fantasias para apresentação das crianças da história “ Rápido como um gafanhoto”.
Apresentação de histórias sonorizadas pelas professoras e/ou crianças.
Apresentações musicais com dança e coreografias coletivas.
Karaokê, onde as crianças com uso de microfones cantam e dança livremente para a turma.
Apresentações de karaokê, onde cada criança escolhe uma música de seu interesse, se caracteriza
para apresentá-la.
Baile de fantasias dos personagens de histórias infantis, contos e clássicos.
Construção de fantoches com meias, para posterior utilização em apresentação.
Construção de maquetes de histórias infantis.Teatro de sombras.

Trabalhos manuais relacionados ao projeto utilizando diversos materiais como, esponja, canudo, lixa, carvão.
Envio para a família de uma literatura por fim de semana para que a mesma conte a seu filho e descreva como foi.
Pedido a família para que enviem cd’s de diversos gêneros musicais ouvidos em casa pela mesma e pela criança para que possamos ouvir também no CEI.                                                                                                                              Pintando o painel de aniversário




 

















Um comentário:

  1. Muito bom esse projeto, pois trabalho com essa faixa etária e é assim mesmo o processo de desenvolvimento das crianças. O profissional que trabalha com essa idade, deve ser muito mas muito criativo e paciente. Parabéns pelo o projeto.

    ResponderExcluir